sábado, 15 de setembro de 2012

BOCONA ABERTA \O/


Escrevi estes textos em setembro de 2001, logo após a tragédia americana das torres gêmeas de Nova Iorque. Como nunca os publicarei em livros, deixo-os aqui.
Desenho de Fernando Canto



CADERNO DO MEIO DO MUNDO



 DE FERNANDO CANTO

MACAPÁ 2001







PARA JÚLIA, FILHA.










"Tudo pode se no fundo rola"(Abdala)


Três Poemas De Morte
E um Assombro Inelutável


  

Pré – Munição





O poeta olhou pro céu e viu araras negras resmungando no pedaço
Sentiu um calafrio taquicardia
E um sonho cor de aço.
Somente no hospital lhe éter(fonaram):
“Osama nas hallturas pôs as asas pelos braços.”


 
A Morte

Quem faz o fogo no escuro
Se um brilho se acende cedo
Pra cedo domar a noite e o frio que mora escondido nas dunas do Oriente?

A morte ronda montanhas
A morte rompe defesas
A morte rasga mortalhas de homens que foram gente.



O ar



Windows of world
Abram-se em ângulos azuis
Quero ver estrelas
War da arrogância ensimesmada de ENTULHOS
God save América
Incensos e velas
-                Que os Orixás protejam os pequenitos de Allah!




    

OUTROS

 3


Crime

Ó! Bocona aberta!
Grito pelo rio de ondas verticais
Sons de ferramentas – grilos (cry cry cry) abafam tua angústia no banheiro
Hitcock passa como um Alfredo jardineiro num macacão de jeans molhando a grama vermelha.


  
Phódrio Two

Tizingida cor em teu selo maisgentile
Corpo caseiro
Sem platéia ver – te – coito
Provisiona alimentos lactos
Laticínios morticídios para bulimia anorexial pós – mortefambre de todos los Dias/Noches



Equilíbrio

Abraço os olhos na hora de deitar na cama
-                Minha muleta é meu olho.
Já meus pés não são tão confiáveis
Parecem pranchões acizentados de poeira
Onde grafo pelos dias/noches meus erros grama(ti)cais.

2 comentários:

  1. Julia Canto, no Facebook15 de setembro de 2012 10:44

    Lindos, pai! Pois esta data e muito signiificante na vida de todos. Lembro exatamente onde estava e o que estava fazendo quando vi as torres do World Trade. Poesia foi uma maneira bem comemorada aqui em 2001 depois do ataque. Um modo super util para refletir e aliviar o sofrimento. Beijos! te amo!

    ResponderExcluir
  2. DE VERDADE APESAR DO TRAGICO CRIAM-SE LINDOS POEMAS CANTADOS PELO CANTO.
    FRAGMENTADOS TAL E QUAIS OS AFRESCOS DE SALVADOR DALI.
    NELES ESTA INSTIGADO O (RE)CRIAR DE PALAVRAS COM SOM DE EXPLOSÕES E THE END!
    COMO A MORTE NADA TERMINA TUDO COMEÇA.LOUVO O POETA A QUEM A VIDA ESFREGA ESFREGA E RELUZ.
    LUIZ JORGE.

    ResponderExcluir

Obrigado por emitir sua opinião.